(Foto: Via Cinema Urbana)

Últimos dias para submissões no 2º Seminário Arquitetura e Cinema

Vinculado à Mostra Cinema Urbana 2022, o seminário recebe inscrição até 1 de junho de artigos científicos que divulguem pesquisas relacionadas à interseção entre arquitetura, cidades e cinema. Participe!

A segunda edição do Seminário de Arquitetura e Cinema, vinculado à Mostra Cinema Urbana 2022, está aberta, até o próximo 1 de junho, ao recebimento de artigos científicos que divulguem pesquisas relacionadas à interseção entre arquitetura, cidades e cinema. Com o tema ‘Imaginar Mundos Possíveis’, trata-se da apresentação de artigos na sala de cinema, onde será possível exibir trechos dos filmes relacionados às pesquisas – neste ano o seminário terá formato híbrido, ampliando a possibilidade de participação e debate.

O seminário integra o programa da 4ª edição Cinema Urbana – Mostra Internacional de Cinema de Arquitetura, que acontecerá de 16 a 20 de agosto, em Brasília, exibindo filmes nos gêneros documentário, ficção e experimental, nos quais a arquitetura e as cidades são protagonistas. Assim sendo, a ação integrada defende a cidade e a arquitetura não somente inspiração, mas estabelecedoras de bases e o suporte para o surgimento do cinema.

No mundo cada vez mais urbanizado, as imagens em movimento estão em todos os lugares, e a sua fruição foi modificada. O cinema introduziu mudanças profundas na visão e na concepção do espaço como fator de condicionamento do olhar. Como decorrência, o espaço e a construção, manifestações tradicionais da arquitetura, marcadas hoje pela sobrevalorização da imagem, têm perdido espaço para a esfera da representação da arquitetura. Os edifícios precisam ser compreendidos da mesma forma que os desenhos, as fotografias, os escritos, a publicidade e os filmes. Não apenas porque são mídias por meio das quais apreendemos a arquitetura, mas porque o edifício é também uma forma particular – construída – de representação. “É preciso hoje repensar a arquitetura como mídia”¹.

1 COLOMINA, Beatriz. Privacy and publicity.

 

O breve trecho da chamada aberta redigida por Liz Sandoval e André Costa elucida o próprio cinema como operante no “contexto paradoxal”, atundo “como novo suporte de saberes críticos para a arquitetura”, conforme a chamada a si se complementa. Ademais, o cinema “coloca a necessidade de um exercício crítico e interpretativo sobre o espaço em que o arquiteto opera, onde expressa uma forma de pensar, agir e transformar o mundo, para assim propor novas formas de representar a arquitetura e sua relação com o tempo e o espaço”, endossa.

Para os interessados, as submissões dos artigos completos devem conter até 4 mil palavras, e podem ser feitas conforme o template está disponível no link. Os selecionados comporão uma programação diversa que conta com palestras, seminários, painéis de debates, homenagens, visitas guiadas e exibições ao ar livre para uma experiência cinematográfica.

 

Acesse

www.cinemaurbana.com

Submissão de artigo – Mostra Cinema Urbana 2022