Prêmio Benedito Lima de Toledo financiará propostas de patrimônio material

Oferecido pelo ProAC e com inscrições abertas até 3 de novembro de 2020, a seleção contempla projetos de restauro de bens tombados, ou de conservação e restauro de bens edificados, ou ainda de recuperação de bens móveis integrados. Saiba mais!

A Secretaria de Cultura e Economia Criativa torna público a seleção de propostas para o concurso Prêmio Benedito Lima de Toledo de Patrimônio Material, com observância em toda a legislação complementar relacionada ao Programa de Ação Cultural (ProAC) e em conformidade com as condições e exigências estabelecidas no Edital deste concurso e seus anexos. A linha destinada ao Patrimônio Material integra uma lista de 25 outros segmentos culturais a serem beneficiados em 2020 pelo ProAC, que remete à ação R$ 75 milhões.

Para Patrimônio Material, o concurso oferece R$ 2.000.000,00 totais, subdivididos em financiamentos de R$ 50.000,00 para cada proposta vencedora – podendo ser projetos de restauro de bens tombados – por órgão de oficial preservação, podendo ser federal, estadual ou municipal -, projetos de conservação e restauro de bens edificados ou ainda projetos de recuperação de bens móveis integrados. Se selecionado, o interessado assume o compromisso de reverter o valor recebido à realização de um novo projeto no Estado de São Paulo.

Estão aptos a participarem apenas os proponentes de pessoa jurídica, que comprovem sede no Estado de São Paulo há pelo menos dois anos, ou física, sendo maiores de 18 anos com domicílio há mais de dois anos no Estado de São Paulo. O Edital restringe aqueles baseados na capital do Estado e também servidores públicos, inaptos à participação.

O prazo para inscrições se estende até as 20h do dia 3 de novembro de 2020, sendo gratuita e realizada exclusivamente através da plataforma de inscrição dadosculturais.sp.gov.br. Cada proponente poderá submeter-se apenas uma vez no Edital e também estará limitado a receber uma única premiação., caso seja selecionado. Quanto aos documentos necessários, observa-se:

  • Apresentação geral do Proponente;
  • Histórico de realizações incluindo, projetos de restauro e valorização do patrimônio material, prêmios recebidos, críticas positivas e público alcançado;
  • Currículo técnico e/ou artístico da equipe principal do Proponente – no caso de Cooperativa, deve-se apresentar apenas o currículo do cooperado responsável;
  • Apresentação do novo projeto ou projetos no qual/nos quais o Proponente se compromete a alocar os recursos recebidos, caso seja premiado, incluindo cronograma e ficha técnica;
  • Depoimentos de profissionais do setor sobre o desempenho do Proponente;
  • Link de acesso ao material de divulgação disponível na WEB;
  • Vídeo explicativo (não obrigatório).

O julgamento dos inscritos será efetuado por Comissão de Seleção formada por cinco especialistas na área, sendo três da sociedade civil, indicados por entidades e associações do setor cultural; um da sociedade civil, indicado pela Secretaria; e um servidor público, também indicado pela Secretaria. Esta Comissão avaliará a relevância e a qualidade do trabalho realizado, os resultados obtidos, a qualificação dos profissionais envolvidos, o reconhecimento pelo meio de atuação e a relevância e qualidade do novo projeto ou dos novos projetos apontados, buscando um resultado compatível com o perfil das inscrições e a diversidade de gêneros, estilos, tipos de projetos, temas e alcance geográfico da produção cultural do Estado de São Paulo, segundo os critérios:

  1. Qualidade e relevância artística e cultural das ações realizadas: serão avaliadas a qualidade e a relevância das ações realizada e dos projetos desenvolvidos levando em conta as informações apresentadas
  2. Impacto comercial e cultural dos resultados obtidos: será avaliado o impacto comercial e cultural dos resultados obtidos considerando o desempenho demonstrado
  3. Qualificação dos profissionais envolvidos: serão avaliados os currículos apresentados e a compatibilidade com as tarefas desenvolvidas
  4. Reconhecimento pelo meio de atuação: serão avaliados os depoimentos apresentados sobre o histórico e a relevância das realizações
  5. Qualidade e relevância artística e cultural do novo projeto ou projetos: serão avaliadas a qualidade e a relevância do novo projeto ou projetos apontados levando em conta as informações apresentadas

Saiba mais

Lei Nº 14.017, de 29 de Junho de 2020

Edital

Inscrições – dadosculturais.sp.gov.br