Campo Fraturado SOS, 2021, de Ana Maria Tavares © Modelagem digital e rendering: Pedro Perez Machado e Marc do Nascimento

MAM São Paulo apresenta instalação inédita no Projeto Parede

O trabalho é da artista Ana Maria Tavares, por meio do qual se apresenta a narrativa de alerta sobre a relação entre natureza e artifício

A partir do próximo 25 de maio, o Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM) apresenta a instalação ‘Campo Fraturado SOS’, obra inédita assinada pela artista Ana Maria Tavares, concebida especialmente para o Projeto Parede do Museu.

A intervenção é inspirada na série ‘Airshaft’ (para Piranesi), trabalho desenvolvido desde 2008 por Tavares, o qual se compõe por imagens digitais, vídeo e videoinstalação, por onde a artista estabelece diálogo com a obra ‘Carceri d’Invenzione’ (séc. XVIII), do arquiteto e gravurista italiano Giovanni Battista Piranesi. O espaço entre o saguão da entrada do MAM e a Sala Milú Villela – onde são exibidas as obras do Projeto Parede – passará a receber uma paisagem mineral metalizada, modulada por detalhamentos enquadrados e por uma espécie de caligrafia tátil com a escrita em Braile da sigla ‘SOS’.

Da mesma forma como Piranesi retoma as ‘históricas ruínas arquitetônicas com um design imaginário orientado para o futuro’, tomo fragmentos de imagens da série Airshaft e a superfície ampla do mármore como campo para uma montagem ficcional”, explica Ana Maria Tavares.

 

 

 

Para o curador-chefe do MAM, Cauê Alves, os elementos que apontam para a ideia de futuro são tratados pela artista como algo já sedimentado, como resto petrificado do passado. “Em vez de promessa de felicidade, de crença em um mundo melhor, a obra parece tratar da falência e da impossibilidade de salvação”, pontua.

Para o interessado em visitar, basta saber que o MAM São Paulo segue um rigoroso protocolo de saúde e higiene implementado em colaboração com a equipe da Consultoria do Hospital Israelita Albert Einstein, além de adotar medidas de proteção estabelecidas pelos órgãos brasileiros de Saúde Pública, em virtude da situação pandêmica. Os ingressos serão disponibilizados apenas on-line e as visitas ocorrerão com hora marcada. O número de pessoas por sala é limitado, o uso de máscara é obrigatório e dispositivos de álcool em gel estão distribuídos em pontos estratégicos do Museu.

Sobre o MAM São Paulo

Fundado em 1948, o Museu de Arte Moderna de São Paulo é uma sociedade civil de interesse público, sem fins lucrativos. Sua coleção conta com mais de 5 mil obras produzidas pelos mais representativos nomes da arte moderna e contemporânea, principalmente brasileira. Tanto o acervo quanto as exposições privilegiam o experimentalismo, abrindo-se para a pluralidade da produção artística mundial e a diversidade de interesses das sociedades contemporâneas.

O Museu mantém uma ampla grade de atividades que inclui cursos, seminários, palestras, performances, espetáculos musicais, sessões de vídeo e práticas artísticas. O conteúdo das exposições e das atividades é acessível a todos os públicos por meio de áudio-guias, vídeo-guias e tradução para a língua brasileira de sinais. O acervo de livros, periódicos, documentos e material audiovisual é formado por 65 mil títulos. O intercâmbio com bibliotecas de museus de vários países mantém o acervo vivo.

Localizado no Parque Ibirapuera, a mais importante área verde de São Paulo, o edifício do MAM foi adaptado por Lina Bo Bardi e conta, além das salas de exposição, com ateliê, biblioteca, auditório e restaurante. Os espaços do Museu se integram visualmente ao Jardim de Esculturas, projetado por Roberto Burle Marx para abrigar obras da coleção. Todas as dependências são acessíveis a visitantes com necessidades especiais.

 

Projeto Parede – ‘Campo Fraturado SOS’, instalação de Ana Maria Tavares
Local
MAM São Paulo
Endereço Parque Ibirapuera (av. Pedro Álvares Cabral, s/nº – Portões 1 e 3)
Abertura 25 de maio de 2021
Horários terça-feira à domingo, das 12h às 18h
Ingressos agendamento prévio através do link
Mais informações (11) 5085-1300 | mam.org.br | redes sociais MAM (Instagram; Twitter; Facebook; YouTube)