Instituto das Cidades lança ‘Cadernos de Estudos Urbanos’

Com o propósito de estabelecer um espaço permanente de interlocução multidisciplinar, as publicações tratam da variedade de temas pertinentes ao urbano, conjugados a abordagens e métodos também múltiplos. Já estão disponíveis à comunidade no portal da Unifesp!

(Imagem: Cortesia Instituto das Cidades/Unifesp)

 

O Instituto das Cidades do campus Zona Leste da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) acaba de lançar os cinco primeiros volumes dos Cadernos de Estudos Urbanos, resultantes do Seminário de Estudos Urbanos e Interdisciplinaridade organizado pelo próprio Instituto em outubro de 2021. O evento teve espectro temático amplo, recobrindo uma variedade de tópicos no âmbito dos estudos urbanos que contribuem para melhor compreender as trajetórias históricas e tendências presentes e futuras relativas às cidades do Brasil e do mundo.

Os Cadernos de Estudos Urbanos têm como propósito estabelecer um espaço permanente de interlocução para professores, pesquisadores, estudantes e todos os demais interessados nos diferentes aspectos dos estudos urbanos, em perspectiva interdisciplinar.

Publicados a partir de março de 2022, e com acesso público, as obras nascem como consequência natural das atividades de pesquisa que, desde 2018, têm lugar no Instituto das Cidades, cujo objeto complexo e multifacetado faculta e demanda abordagens nas quais contribuições de diferentes disciplinas convergem.

“Os Cadernos de Estudos Urbanos representam um marco importante no processo de fortalecimento e consolidação do campus Zona Leste da Unifesp. O lançamento desses primeiros volumes é fruto de todo um processo de construção do Instituto das Cidades, de interlocução com os estudos e pesquisas dos grupos de professores, pesquisadores, para dentro da Unifesp, para fora da Unifesp, resultado do Seminário de Estudos Urbanos e Interdisciplinaridade”, explica Patrícia Laczynski, diretora acadêmica do Instituto das Cidades da Unifesp e integrante do Conselho Editorial da publicação.

 

(Imagem: Cortesia Instituto das Cidades/Unifesp)

 

A variedade e abundância dos temas pertinentes ao urbano conjugam-se a abordagens e métodos também múltiplos, expressando a complexidade dessa área de estudos e os diálogos interdisciplinares e multiprofissionais propostos por e a partir dela. Os temas de cada volume são os seguintes:

 

  1. Cidade, Democracia e Educação;
  2. Cidades: memórias, histórias e narrativas;
  3. Mobilidade em território das periferias urbanas;
  4. Periferias urbanas contemporâneas;
  5. Urbanização crítica.

 

Patrícia Laczynski revela ainda que o Instituto das Cidades pretende realizar novas versões desse seminário, que é internacional. “O evento contou com pessoas do Brasil inteiro e pesquisadores de outros países nessa construção de um campo de conhecimento relacionado às cidades, que é fundamental para o Brasil. O Instituto das Cidades é formado por um grupo de professores de áreas do conhecimento diferentes, com uma proposta interdisciplinar. Estamos com um curso de Geografia e é muito importante nesse momento fortalecermos ainda mais esse campo de estudos e pesquisas, de produção de conhecimento”, finaliza a pesquisadora da Unifesp.

 

Acesse

Arquivos em PDF ‘Cadernos de Estudos Urbanos’