Equipe do RJ vence concurso para anexo da Casa de Rui Barbosa

O Grupo Arquitetura assinou um contrato no valor de um milhão de reais para a construção do anexo

A Fundação Casa de Rui Barbosa, em parceria com o departamento do Rio de Janeiro do Instituto de Arquitetos do Brasil, acaba de divulgar o vencedor do “Concurso Acervo Casa de Rui Barbosa”. A competição elegeu o melhor projeto para abrigar o acervo de grandes escritores brasileiros dos últimos séculos, além da construção de uma sala de exposições, junto à histórica edificação carioca.

Composto pelos arquitetos Alfredo Brito, Álvaro Puntoni, Antonio Paulo Cordeiro, Ana Pessoa e Fabiana Izaga, o júri escolheu a proposta do Grupo Arquitetura, do Rio de Janeiro, “pela formação de um conjunto harmônico, por meio de uma acertada sequência das escalas utilizadas na transição entre a edificação existente e as edificações propostas”.

Entre os 74 projetos inscritos, o escritório vencedor – composto por Caio Calafate e Pedro Varella (que estão na edição 406 da revista PROJETOdesign, com um projeto para o Parque Guinle, também no Rio de Janeiro), Sergio Garcia e Fabiana Araújo – foi premiado, durante cerimônia oficial, com 35 mil reais e um contrato de elaboração do projeto executivo no valor de um milhão de reais.

O novo edifício será erguido em um terreno contíguo à Casa de Rui Barbosa e terá cerca de 2 mil metros quadrados de área construída.

Assim que finalizado, o prédio receberá o acervo da Biblioteca São Clemente, o Arquivo Museu de Literatura Brasileira, o Arquivo Histórico e Institucional, além do Laboratório de Conservação e Restauração Documental.

Os escritórios Ideia1 Arquitetura e Planejamento, de Porto Alegre, e Mira Arquitetos, de São Paulo, ficaram em segundo e terceiro lugar, respectivamente, recebendo um prêmio de 25 mil reais e 15 mil reais, respectivamente.