Chamada aberta: Plano Integrado de Desenvolvimento Local no Parque Real em Diadema

A organização Pacto pelas Cidades Justas, junto da Prefeitura de Diadema, receberá inscrições até 31 de janeiro de 2022, a fim de selecionar equipe de assessoria técnica para intervenções urbanísticas e sociais integradas, que melhorem a qualidade de vida no bairro Parque Real e entorno

 

Está aberto o Edital para seleção de assessoria técnica que será responsável pela elaboração do Plano Integrado de Desenvolvimento Local no Parque Real, em Diadema, cujo objetivo consiste em promover a melhoria da qualidade de vida da população que vive no bairro e entorno, por meio da implantação de intervenções urbanísticas e sociais integradas, em diálogo com a comunidade local e o poder público.

Promovido pelo Pacto pelas Cidades Justas, que reúne mais de vinte entidades da sociedade civil a fim de modelar programas participativos de integração de políticas públicas em territórios em situação de vulnerabilidade, juntamente à Prefeitura de Diadema, o Edital busca por apoio técnico a ser ofertado à organização.

A proposta estipula 12 meses de trabalho, setorizado em quatro fases de desenvolvimento, a saber:

  1. Detalhamento da metodologia de trabalho e Levantamento de informações;
  2. Diagnóstico técnico e participativo
  3. Elaboração de Planos Urbanos e Sociais integrados e priorização de ações
  4. Apoio à estruturação da Governança Local Participativa e gestão do projeto por meio do acompanhamento, monitoramento e avaliação.

 

O investimento financeiro está determinado para R$ 75.000,00 (setenta e cinco mil reais), a ser desembolsado em quatro etapas, sendo a primeira mediante assinatura do contrato – no montante de R$ 15.000,00 – e as demais mediante entrega e aprovação dos produtos referentes à cada uma das três etapas do projeto – no montante de R$ 20.000,00.

O Edital é aberto à participação de organizações e associações em suas diversas denominações (como ONGs e OSCs) que não tenham fins lucrativos, empresas ou coletivos representados por algum tipo de pessoa jurídica. A organização proponente deverá demonstrar que possui experiência relevante e as competências para executar os trabalhos descritos, e não serão aceitas inscrições de pessoas físicas.

As inscrições vão até 31 de janeiro de 2022, e demais informações podem ser encontradas no www.cidadesjustas.org.br. Participe!

 

Sobre o Pacto pelas Cidades Justas

O Pacto pelas Cidades Justas (https://www.cidadesjustas.org.br/) reúne mais de vinte entidades da sociedade civil a fim de modelar programas participativos de integração de políticas públicas em territórios em situação de vulnerabilidade a ser implementado por diferentes municípios brasileiros. O Pacto pretende constituir-se como uma instância dedicada ao compartilhamento de metodologias, experiências e instrumentos entre entidades da sociedade civil, com interesse no desenvolvimento de territórios vulneráveis. Integram o Pacto:

Ação Educativa
Arq.Futuro
Associação a Cidade Precisa de Você
Associação Redes de Desenvolvimento da Maré
Fórum Brasileiro de Segurança Pública
Fundação Itaú para a Educação e Cultura
Fundação Tide Setubal
G10 de Favelas
ICLEI América do Sul
Instituto Acaia
Instituto Alana
Instituto BEI
Instituto dos Arquitetos do Brasil – São Paulo
Instituto Escola do Povo
Instituto Igarapé
Instituto Pólis
Movimento Sem – Teto do Centro – MSTC
Rede Conhecimento Social
Rede Nossa São Paulo
Todos pela Educação
Teto – Brasil
UNAS – União de Núcleos, Associações dos Moradores de Heliópolis e Região
União dos Movimentos de Moradia – UMM
União Educacional e Esportiva do Jardim Colombo
Urbem – Instituto de Urbanismo e Estudos para a Metrópole
WRI Brasil