Caneta 3D transforma, em segundos, desenhos em maquetes. Veja vídeos!

Depois da impressão em 3D – utilizada até na construção de uma casa na Lua, de acordo com desenho de Norman Foster – agora é a vez do lançamento de uma caneta 3D.

Chamada 3Doodler, a caneta promete ser, conforme os fabricantes, “o método mais barato para se fazer impressões tridimensionais”.

Veja vídeo:

Elétrica, a ferramenta solta plástico aquecido no lugar de tinta. O material rapidamente se transforma em matéria sólida e, graças a isso, permite cruzamentos de arestas que, na prática, podem perfeitamente resultar em estruturas tridimensionais.

Veja vídeo:

De fácil uso por arquitetos, a caneta leva poucos segundos para transformar linhas em volumes 3D. Mas, por enquanto, só está disponível para o mercado norte-americano: há seis mil unidades disponíveis, por preços que variam de 75 a 96 dólares.