13ª BIA: Divulgados os finalistas do Concurso de Co-Curadoria

Após longo processo de análise, quatro propostas integram o grupo elegido que passa, ainda nesta semana de abril, pelas entrevistas que compõem a última fase da seleção

No último março, tornou-se pública a escolha dos finalistas para o Concurso de Co-Curadoria da 13ª Bienal de Arquitetura de São Paulo (BIA), a realizar-se em 2022, cujo resultado aponta para quatro propostas selecionadas dentre as onze deferidas em fase anterior.

A prática dá continuidade àquela iniciada na XII BIA (2019) pelo Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento de São Paulo (IABsp), de maneira que, nesta presente edição, tal concurso oficial elenca, de forma democrática, quais os debates, diálogos e críticas são fundamentais à discussão neste momento.

Cada uma das selecionadas formula um recorte curatorial para a 13ª Bienal a partir da temática central, “RECONSTRUÇÃO”, bem como dos eixos norteadores lançados pela Comissão Organizadora: Democracia, Corpos, Memória, Informação, Ecologia.

Nesta semana, os responsáveis pelas propostas pré-selecionadas passam por entrevistas para que, no próximo 16 de abril, efetive-se a escolha de apenas uma, segundo o crivo do júri composto por: Gabriela de Matos, Sabrina Fontenele e Helena Ayoub Silva, representantes do IABsp; Naine Terena – Mato Grosso, João Fernandes – Portugal/São Paulo; Maria Estela Rocha Ramos Penha – Espírito Santo; Riva Feitoza – Sergipe; Pedro Rivera – Rio de Janeiro; Sepake Angiama – Reino Unido; e Janet Sanz – Espanha.

Conheça os finalistas

  1. Condições Humanas
    Responsável
    Juliana Ziebell de Oliveira
  2. Travessias
    Responsável Viviane de Andrade Sá
  3. Coabitar
    Responsável Stella Mommensohn Tennenbaum
  4. (Im)permanência como ação – Uma proposta em dois atos
    Responsável
    Beatriz Carvalho da Rocha

Saiba mais na revista PROJETO

IAB-SP: atualizações na programação da 13ª BIA

IABsp: conheça os jurados do Concurso de Co-Curadoria da 13ª BIA