Usina hidrelétrica de Tucuruí: obra pioneira na Amazônia

Os arquitetos vêm conquistando um importante espaço nas grandes obras civis, desempenhando um papel da maior relevância em projetos como o de Tucuruí. Atuando como agente aglutinador de equipes multidisciplinares, desenvolve uma análise crítica das propostas, levando em conta os aspectos naturais, históricos, econômicos e sociais.

Sem nunca perder de vista que sua atuação visa à melhoria do bem estar do ser humano, ele procura adequar as necessidades técnicas e operacionais do projeto ao respeito ao homem, à natureza, integrando-os de maneira harmônica. Nesta edição apresentamos o exemplo de um destes trabalhos, destacando os aspectos globais e de tratamento paisagístico do projeto de Tucuruí. Na revista de Dezembro editaremos o projeto das vi Ias implantadas na região.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 7.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Clique e assineJá sou assinante