Una Arquitetos: Edifício Huma Klabin, São Paulo

Com o Edifício Huma Klabin, os arquitetos do escritório UNA sabem que não construíram um simples prédio, mais um entre tantos, ainda que talvez melhor sucedido do que outros. Sabem ter realizado uma sorte de manifesto, capaz de declarar de forma exemplar alguns dos princípios mais profundos compartilhados com profissionais da sua geração. Uma espécie de manifesto coletivo. Menos fácil, é determinar as razões de tal convicção

Certo, o edifício é estudado com particular cuidado, e sobretudo sua relação com o entorno é resolvida graças a vasto repertório de soluções: a disposição variada dos apartamentos, organizados em blocos verticais orientados em função das características da área circundante; a eliminação dos filtros de todo tipo entre cidade e edifício, particularmente evidente nos corredores, permitindo a interpenetração entre interno e externo; a renúncia a uma pequena porção de terreno, na frente, com recuo realizado a fim de incorporar parte do lote ao espaço público, doando ao transeunte, sem restrição qualquer, um banco para se sentar. Detalhes todos significativos, e que dizem muito sobre a consciente intenção das escolhas feitas pelos arquitetos. Contudo, poderíamos ainda proceder longamente nesta direção, elencando outros recursos dignos de atenção, sem todavia conseguirmos apreender o motivo da importância da obra.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 7.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Clique e assineJá sou assinante