Ricardo Julião: Sintetizando experiências com diversidade

Produzindo arquitetura em diversas escalas e programas, Ricardo Julião mostra como cada nova situação sugere uma linguagem apropriada.

Uma profícua experiência com o arquiteto Marcos Tomanik – a quem se associou antes mesmo de se formar e com o qual projetou, entre outras obras, o edifício da Dacon, em São Paulo – foi a base para que Ricardo Julião partisse em 1978 para a aventura de abrir seu próprio escritório. Data dessa época o início da colaboração do arquiteto Helio Nakagawa, atualmente seu sócio na Ricardo Julião Arquitetura e Urbanismo.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 7.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Clique e assineJá sou assinante