Vanna Venturi House, Chestnut Hill, Filadélfia - 1962 (Foto: Acervo Robert Venturi)

Quando o cliente é o próprio arquiteto | Por Paulo Ormindo de Azevedo

A prática profissional do arquiteto, tal como a conhecemos hoje, na qual o projeto precede e define a construção, não tem mais que cinco séculos de vida. A invenção do projeto foi tão importante quanto a criação da escrita, que introduziu a notação da fala e das ideias. O projeto não só revolucionou a prática profissional, como a própria história, na medida em que através dele o homem aprendeu a prever e organizar suas ações através de modelos, a controlar o futuro. Construtores existem desde tempos imemoriais, projetistas só a partir do Renascimento.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 7.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Clique e assineJá sou assinante