Vinícius Andrade, Renata Andrulis, Marcelo Morettin e Marcelo Maia Rosa

Andrade Morettin

A inauguração da nova sede do Instituto Moreira Salles (IMS) em São Paulo coincide com a comemoração dos 20 anos de existência do escritório Andrade Morettin Arquitetos, comandado pelos fundadores, Vinícius Andrade e Marcelo Morettin, e pelos associados, Marcelo Maia Rosa e Renata Andrulis. É, sem dúvida, um projeto marcante na trajetória da equipe paulistana, o primeiro centro cultural concebido e que está localizado em uma das regiões mais importantes da cidade: a avenida Paulista. É especial o contexto, congregando elevada oferta de mobilidade urbana, a existência de um polo comercial e o crescente uso pela população como área pública de lazer e atividades culturais. Embora grande parte da energia dos arquitetos ao longo dos últimos seis anos tenha sido usada para gerir o projeto do IMS, estiveram em sua guarda outras tarefas de semelhante importância, como veremos a seguir.

Entre elas, a vitória, em 2015, no concurso fechado para a concepção da sede do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), no Rio de Janeiro, mesmo ano em que obtiveram o segundo lugar no concurso internacional Réinventer Paris (integraram o time de 12 equipes do consórcio de projetos da URBEM – Triptyque) e, simultaneamente aos preparativos finais para o lançamento de um livro sobre o escritório (pela Beï Editora, 2016), que forçou os arquitetos a reverem a totalidade dos seus projetos, a vitória no concurso para a escola Beacon, atualmente em construção em São Paulo.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 7.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Clique e assineJá sou assinante