Paulo Chaves Fernandes e Rosário Lima: Estação das Docas, Belém, PA

Três galpões portuários do início do século, em Belém, passaram por grande reciclagem, com projeto de autoria dos arquitetos Paulo Chaves Fernandes e Rosário Lima. A Estação das Docas hoje abriga atividades de comércio, lazer e cultura, sintetizando o projeto de urbanização e preservação desse patrimônio arquitetônico. A obra, de acordo com os autores, “abre uma janela” para as águas da baía do Guajará.

Os autores definiram o partido da intervenção sob o lema “antes adaptar a intervir”, para reurbanizar esse trecho do antigo porto de Belém. A Estação das Docas, como é conhecido o conjunto, faz parte de uma série de trabalhos que os arquitetos vêm realizando em lugares outrora abandonados na capital paraense, como a reforma da antiga residência do governador, hoje um parque, e a recente transformação da Igreja de Santo Alexandre, no centro histórico da cidade, em Museu Barroco.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 8.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Assine por R$ 2,99 mensaisJá sou assinante