NPC Grupo Arquitetura: Edag Brasil, São Bernardo do Campo, SP

No projeto do laboratório e sede da Edag Brasil, em São Bernardo do Campo, SP, há itens comuns a programas industriais; porém, na empresa, a produção é eminentemente intelectual. A maior parte das atividades desenvolvidas ali é sigilosa, e essa exigência foi atendida, no desenho de Cláudia Nucci, Sérgio Camargo e Valério Pietraróia, por meio de formas que revelam e, quando necessário, resguardam as operações.

O projeto para o laboratório industrial e sede da Edag exigiu dos arquitetos do NPC o uso de conhecimentos adquiridos durante anos na França – nesse programa, entre outros – por Sérgio Camargo e Valério Pietraróia. Esse aprendizado tem se mostrado útil para atender a certas exigências nem sempre comuns em indústrias brasileiras. Foi por isso que puderam explicar aos construtores – que consideravam exagerada a dimensão de 25 centímetros – a necessidade de uma laje de piso tão espessa como a proposta no setor fabril da Edag. No local pode ser montada uma ponte rolante de dez toneladas e, em outro momento, instalado um sensível equipamento de medição. A especificação da laje evita que, a qualquer momento, o piso tenha que ser rasgado para adaptar-se às eventuais exigências. Essa é uma das particularidades do projeto, uma vez que, mesmo possuindo área industrial, a Edag não é uma fábrica convencional, de produção em série. Ao contrário, as atividades predominantemente intelectuais exigem, em sua maior parte, rigoroso sigilo.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 8.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Assine por R$ 2,99 mensaisJá sou assinante