Casa de Campo em Tijolos, Mies van der Rohe

Ler plantas e aprender arquitetura | Por Enrique Browne

Em uma entrevista, perguntaram a um diretor de orquestra se ouvia muita música. Ele respondeu que o fazia tanto quanto qualquer aficionado, mas que lia muita música. Algo semelhante acontece com os desenhos de arquitetura: ao lê-los aparece mentalmente a imagem construída, os espaços, os percursos. Ler desenhos é uma maneira profunda de aprender; mas é um costume que se está perdendo.

A publicação de projetos em livros e revistas repousa cada vez mais nas fotografias. A maioria das vezes, tudo se reduz ao consumo de imagens sem conteúdo; as obras são mediadas pelas imagens a ponto de não se distinguir se as virtudes ou defeitos são da arquitetura ou da fotografia. Com os desenhos, essa confusão não existe.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 8.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Assine por R$ 2,99 mensaisJá sou assinante