Kisho Kurokawa Arquiteto & Associados: Estádios, Japão

Sofisticada tecnologia construtiva não abre mão da identidade local

O arquiteto Kisho Kurokawa foi o escolhido pelas prefeituras de duas cidades japonesas, Oita e Toyota, para construir estádios com múltiplo uso, tendo em vista a Copa do Mundo de Futebol, que acontece este mês e no próximo, no Japão e na Coréia do Sul. O autor desenvolveu complexos esportivos com sofisticada tecnologia construtiva, com coberturas retráteis, porém sem perder a identidade com a cultura japonesa. O estádio de Oita tem capacidade para 43 mil espectadores e o de Toyota pode abrigar 45 mil pessoas. Ambos têm semelhanças de linguagem, fortemente marcada pelas curvas em forma de concha (Toyota) e de calota (Oita), e pelas coberturas móveis, com revestimento que utiliza materiais de última geração. Essa é uma das marcas do conhecido arquiteto japonês, que adota a filosofia da simbiose como um de seus pressupostos e defende o “diálogo entre identidades locais, tendências globais e história”, conforme afirmou em entrevista publicada na edição 249 de PROJETO DESIGN, em novembro de 2000.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 7.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Clique e assineJá sou assinante