José Armênio de Brito Cruz: Biblioteca da FAU, São Paulo

A intervenção, projetada por José Armênio de Brito Cruz, restringe-se a 250 m2, mas deverá incentivar a recuperação dos 1.500 m2 do imóvel doado à USP em 1946 e ocupado pela faculdade em 1948

Parte do casarão centenário que Carlos Ekman desenhou para a família Penteado – a ala ocupada pela biblioteca da pós-graduação da FAU-USP – acaba de ver recuperados seus ambientes e pinturas murais. 

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 7.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Clique e assineJá sou assinante