Gabriel Aquino Mendes e Armando Leitão Mendes: Maracanãzinho

Cúpula melhora conforto ambiental. Concluída em 2007, por ocasião dos Jogos Pan-Americanos, a reforma do Maracanãzinho recompôs áreas internas e revestiu fachadas e coberturas com painéis metálicos. Mas um dos destaques foram as mudanças na cúpula central, com melhorias para o conforto ambiental.

Em mais de cinco décadas desde sua inauguração, em 1954, o ginásio do Maracanãzinho recebeu competições esportivas, grandes artistas brasileiros e internacionais e espetáculos circenses. Com capacidade para 13 mil pessoas, fez história, mas perdeu-se no tempo – e nos últimos anos houve até quem defendesse sua demolição, tal o estado de degradação em que se encontrava.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 8.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Assine por R$ 2,99 mensaisJá sou assinante