Norman Foster projeta droneport para distribuir alimentos na África

Esquema pioneiro apoiaria rotas de aviões não-tripulados, capazes de transportar alimentos para áreas remotas de Ruanda

Baseando-se em sua experiência na concepção de projetos de aeroportos, o arquiteto britânico Norman Foster revelou uma proposta de um droneport a ser construído ao leste do país africano Ruanda. Apto a transpor barreiras geográficas como montanhas e lagos, os drones de carga poderiam chegar a áreas que são inacessíveis por terra.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 8.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Assine por R$ 2,99 mensaisJá sou assinante