Renato Bolelli Rebouças e Daniela Thomas: Prêmio Shell/Cenografia

Criado em 1988, o Prêmio Shell de Teatro é um dos mais importantes no Brasil e uma espécie de termômetro do setor, dividido em nove categorias (autor, diretor, ator, atriz, cenografia, iluminação, música, figurino e categoria especial, dedicada aos destaques de cada ano)

A política cultural irregular para as artes cênicas brasileiras reflete-se também na cenografia de teatro, que atravessa momento difícil. Pouca verba, prazos quase sempre exíguos para a produção, comunicação penosa com o patrocinador privado e desigualdade técnica entre os espaços de encenação (sem mencionar a deficitária divulgação em São Paulo desde a implantação da Lei Cidade Limpa) são exemplos dos impasses rotineiros. Mas a boa notícia é que a cenografia de teatro brasileiro está se profissionalizando.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 7.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Clique e assineJá sou assinante