Arquitetura de terra: O Projeto Favela

Uma nova alternativa para a habitação popular

A Cidade Universitária de São Paulo não é um campus como outro qualquer. Além da singularidade de suas funções e de seus habitantes (atualmente em torno de 60 000 pessoas) e da área que ocupa (5 milhões de metros quadrados), conta com um problema estranho às funções da universidade: a presença em seu território da favela San Remo, um verdadeiro bairro nessa “cidade”.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 7.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Clique e assineJá sou assinante