Arena Corinthians: Fachada Oeste

A fachada oeste, a principal da Arena Corinthians, é um mosaico composto por cerca de 1,5 mil placas de vidro com curvaturas dupla e simples, que constituem peças únicas, dobradas uma a uma na fábrica, em fôrmas diferentes. Com 224 metros de comprimento e 25 metros de altura, a fachada está instalada na ponta de um balanço de 7,5 metros

Um time formado por empresas brasileiras e europeias foi responsável por todo o processo construtivo das fachadas leste e oeste da Arena Corinthians, dos cálculos estruturais à execução. E a sinergia entre elas colaborou para os bons resultados dessa etapa da obra, segundo Erwin Galtier, diretor da Jepracorp/Grupo Galtier, empresa integradora e titular do contrato de empreitada das fachadas. Reunidos com o arquiteto Aníbal Coutinho e com o consultor de fachadas e vidros Paulo Duarte, os técnicos dessas companhias discutiram as estratégias para atender à proposta arquitetônica, que, no caso da fachada oeste, simulava movimento, com colunas de cerca de 25 metros de altura, para as quais o arquiteto não queria peças redondas ou quadradas, e sim dois elementos de metal, com luz entrando entre elas.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 7.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Clique e assineJá sou assinante