Alfredo Britto e Cléia Braga: Projeto de Santa Casa, Ouro Preto, MG

Este projeto recebeu o prêmio IAB/RJ 1983 em edificações para fins de saúde, tendo o júri destacado "o acerto da implantação do prédio no terreno, a preocupação de conciliar o programa extenso e complexo a uma forma singela e agradável, coerente com a vizinhança de sítios históricos.

O terreno destinado à construção da Santa Casa de Misericórdia de Ouro Preto localiza-se em sítio que impede o confronto visual direto com os conjuntos históricos desta cidade e de Mariana. Introdução de um edifício do porte de um hospital 3m região tão significativa para a arquitetura do Dais remeteu a concepção do projeto a buscar as lições do “momento síntese” dos anos 40/50, quando obras mestras delinearam uma tentativa de linguagem própria para a arquitetura no Brasil, tendo por base a reinterpretação das obras do século XVIII e os princípios da arquitetura moderna que nos chegavam.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Por apenas R$ 2,99 mensais, você tem acesso ao conteúdo completo do acervo da revista PROJETO, com mais de 7.000 obras, projetos, entrevistas e artigos

Clique e assineJá sou assinante